Após racha com Helder Barbalho, prefeito no Pará é vetado em eventos

13 de maio de 2024

21:05

Raisa Araújo – Da Revista Cenarium

BELÉM (PA) – O prefeito do município de Ananindeua, na Região Metropolitana de Belém, no Pará, Dr. Daniel Santos (PSB), revelou ter sido desconvidado de um evento promovido pelo Governo do Pará na cidade administrada por ele. O veto ocorre depois do mandatário municipal cortar aliança com o governador do Estado, Helder Barbalho (MDB).

De acordo com Santos, a situação aconteceu na última sexta-feira, 10, no evento da assinatura da Ordem e Serviço (OS) para dar início a construção de dois novos viadutos em Ananindeua. Nas redes sociais, o político chegou a agradecer Barbalho.

“Andando aqui, na nossa cidade, não poderia deixar de parar aqui na Av. Três Corações e parabenizar o governo do Estado pelo investimento em dois viadutos importantes na nossa cidade, da Av. Três Corações com a Av. Mário Covas e o da Av. Independência com a Av. Mário Cobas. Eu iria fazer isso de público, ontem, no evento, mas fui desconvidado a participar do mesmo”, afirmou o prefeito.

Os projetos foram concebidos após estudos do Núcleo de Gerenciamento de Transporte Metropolitano (NGTM) e visam melhorar a mobilidade na região metropolitana de Belém, criando corredores alternativos para o tráfego entre a BR-316 e o centro da capital paraense.   

O prefeito ainda comentou que espera que, cada vez mais, o Governo do Estado possa utilizar a máquina pública para trazer benefícios a Ananindeua e não penalizar os cidadãos. “Tenham certeza que tudo aquilo que for para trabalhar e somar, eu estarei aqui à disposição para contribuir”, disse.

Após Dr. Daniel Santos ter deixado o partido o MDB, atual partido da família Barbalho, Ananindeua e o Pará tem presenciado uma disputa eleitoral entre os políticos. Em 2024, o político enfrenta seu segundo período de eleição municipal, e não aceitou a indicação de Helder Barbalho para o vice-prefeito de sua chapa. 

Viadutos 

Os novos viadutos ficam localizados nos seguintes cruzamentos: avenida Independência com a Mário Covas – este terá 39 metros de extensão, e avenida Três Corações com a Mário Covas – com 44 metros de comprimento. Além destes, outros dois viadutos já estão em construção na rodovia BR-316 com a avenida Independência e com a Alça Viária. 

Leia mais: ‘Não queremos fazer a COP como Dubai’, afirma Helder Barbalho
Editado por Adrisa De Góes