Operação Aceiro 2024: Governo do Amazonas antecipa ações de combate às queimadas no Estado

03 de junho de 2024

21:06

Carol Veras – Da Revista Cenarium

MANAUS (AM) – Nesta segunda-feira, 3, o Governo do Amazonas lançou a Operação Aceiro 2024, que destinará 60 militares do Corpo de Bombeiros para o combate às queimadas na região sul do Estado, previstas para a segunda metade do ano.

Para prevenir incêndios em 2024, a operação contará com quatro novas viaturas para os bombeiros, equipamentos de proteção individual e o uso de um aplicativo para aprimorar o monitoramento e a operação dos agentes no interior do Estado. Esses materiais foram adquiridos por meio de uma parceria entre o Ministério da Justiça e Segurança Pública e o Governo do Amazonas.

“No ano passado, nós tivemos uma situação bem severa de estiagem. Tivemos problemas de pessoas sem acesso a alimento, água potável, dificuldade na atividade econômica porque os rios baixaram muito, dificultando a navegação e agravando as queimadas e desmatamentos”, afirmou o governador Wilson Lima.

O governador do Amazonas, Wilson Lima (Luiz André/CENARIUM)

De acordo com o Instituto Nacional de Pesquisas (Inpe), o Amazonas registrou quase 20 mil focos de queimadas no ano passado, tornando 2023 o segundo pior ano desde 1998. Para prevenir incêndios, além de disponibilizar quatro viaturas e equipamentos de proteção individual, a iniciativa inclui o uso de um aplicativo para aprimorar o monitoramento e a operação dos agentes no interior do Estado.

A cerimônia contou com a entrega de equipamentos como máscaras de incêndio, drones, capacetes, lanternas e bússolas. Além disso, foram anunciadas novas bases do Corpo de Bombeiros no Sul do Amazonas, ampliando a capacidade de resposta na região.

No evento, estiveram presentes autoridades como o Comandante da Polícia Militar (PM), Kingler Paiva, o Secretário de Meio Ambiente, Eduardo Taveira, e o Secretário de Segurança Pública do Estado, Coronel Vinícius Almeida.

Militares do Corpo de Bombeiros (Luiz André/CENARIUM)
Leia também: Governo do Amazonas prevê seca severa em 2024 e antecipa ações contra impactos
Editado por Adrisa De Góes