Menu

Polícia PF prende no Rio de Janeiro homem que comandava facção criminosa do Amazonas

Carros da PF em comunidades do Rio de Janeiro na manhã desta terça. (Divulgação)

Luís Henrique Oliveira – Da Revista Cenarium

MANAUS – Durante a terceira fase da Operação Nômade, da Polícia Federal, deflagrada na manhã desta terça-feira, 23, a Justiça Estadual no Amazonas expediu mandados de busca e apreensão e de prisão preventiva e identificou lideranças da facção criminosa Comando Vermelho que estavam residindo na cidade do Rio de Janeiro.

Segundo a PF, era da capital fluminense que os suspeitos agiam ativamente na tomada de decisões da organização. Entre os presos encontra-se o principal líder da facção criminosa. “Três pessoas já foram presas, entre eles um homem apontado como a principal liderança da organização criminosa que comandava, do Rio de Janeiro, as ações criminosas da facção no Amazonas”, disse uma fonte policial que não teve o nome divulgado.

A investigação contou com o apoio de servidores da Secretaria de Administração Penitenciária do Estado do Amazonas (Seap) e de policiais do Comando de Operações Táticas da PF, da Delegacia de Repressão a Entorpecentes do Rio de Janeiro e do Grupo de Pronta Intervenção da PF no Rio. Os investigados poderão responder por organização criminosa e tráfico de drogas. A pena pode ultrapassar 20 anos de prisão.

Mais informações em instantes.