Menu

Central da Política ‘Estaremos guiados pela Bíblia e pelo Espírito Santo’, diz Bolsonaro sobre visita a Manaus na quarta-feira, 27

Bolsonaro durante última visita a Manaus sendo ovacionado em uma carreata. (Ricardo Oliveira/ CENARIUM)

Priscilla Peixoto – Da Cenarium

MANAUS – Está confirmada a vinda do presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), a Manaus nesta quarta-feira, 27. Desta vez, a visita do presidente à capital amazonense tem como um dos principais focos a participação na Convenção Estadual da Assembleia de Deus no Amazonas e da Assembleia Convencional da CADB e também da Assembleia Convencional da CADB.

O deputado federal Silas Câmara (Republicanos) confirmou à CENARIUM a vinda do presidente e disse ser o responsável pelo convite ao presidente para que o mandatária compareça a Manaus. “Ele virá a meu convite, mas terá outras agendas no curso do dia que não sei dizer quais”.

Em vídeo disseminado nas redes sociais, Bolsonaro afirmou que será um dia voltado para orações. “De muita graça, paz e orações”. No dia 15 de setembro, Silas já tinha anunciado o convite a Bolsonaro na rede social Instagram, à ocasião o deputado fez uma publicação.

“Nessa tarde, estive com o nosso presidente Jair Bolsonaro e durante nossa audiência tratamos de questões voltadas ao Brasil, principalmente, ao nosso Amazonas. Também tive a confirmação da presença do nosso presidente da República em Manaus no dia 27 de outubro, onde participará da Convenção Estadual da Assembleia de Deus no Amazonas da Assembleia Convencional CADB”, escreveu.

Silas Câmara em audiência com o presidente Jair Bolsonaro (Reprodução/ Instagram)

Visitas a Manaus

Esta é a quarta vez que o presidente vem a Manaus. Em agosto, Jair Bolsonaro esteve na cidade para participar da inauguração do conjunto Residencial Manauara 2, localizado no bairro Santa Etelvina, na zona Norte, onde foram entregues 500 moradias para famílias de baixa renda. O chefe do Executivo visitou a capital do Amazonas em companhia do ex-ministro da Saúde, Eduardo Pazuello.

No mês de abril, Bolsonaro esteve em Manaus, para inaugurar a segunda etapa do Centro de Convenções Vasco Vasques, onde recebeu o Título de Cidadão do Amazonas. Em maio, o presidente foi ao município de São Gabriel da Cachoeira para inauguração de uma ponte de madeira.

Os gastos com a comitiva foram três vezes maiores do que o valor da obra. De acordo com o Ministério da Defesa, a obra custou R$ 255.174,38, e os gastos com a vinda da comitiva custaram R$ 711.795,63. A ponte foi inaugurada na comunidade indígena Balaio e tem 18 metros de comprimento à ocasião o assunto repercutiu nos veículos de comunicação e redes sociais.

Assista ao vídeo: